segunda-feira, 5 de junho de 2017

DESPERTANDOO CONHECIMENTO - SÍMBOLOS ESTELARES E O PODER DE CURA

SÍMBOLOS ESTELARES

“Os Símbolos Sagrados só possuem força e poder, quando ativados pela nossa ‘forma-pensamento’, que deve estar canalizada pelas energias de amor e intuição sustentada pela nossa Hierarquia Espiritual de suporte dentro do Conselho Cármico, que é adquirida mediante a iniciação e batismo direto com essas Hierarquias. 





“Os Símbolos Estelares são recursos da alta tecnologia sideral, componentes importantes do processo de evolução para a consciência em qualquer reino existente. Alguns destes símbolos podem ser ativados através de mantras correspondentes, quando a iniciativa parte de seres iniciados pela Hierarquia Espiritual que sustenta o desenvolvimento deste Universo Local. Neste atual momento em que o planeta Terra está se purificando e ajustando as suas leis de vida, adaptando-se às Leis sugeridas pela Confederação Intergaláctica, inúmeros seres presentes no Reino Humano estão lidando com estes Símbolos Sagrados para auxiliar a cura do planeta como um todo. 

Em um redimensionamento mais amplo e universal, podemos afirmar que os atuais Crop Circles que estão se manifestando em inúmeros países da Terra, também são símbolos estelares que cumprem propósitos específicos para a elevação da vida neste planeta. 
Para a correta utilização destes símbolos e um melhor uso dos seus potenciais inerentes, o ser que usufrui destes símbolos deve se encontrar em aspiração espiritual firme, além de ter confirmado em si as disciplinas de autoaperfeiçoamento necessárias para uma evolução cósmica. 
As experiências mais significativas das realidades destes símbolos ocorrem nas dimensões mais internas e sutis da vida, exigindo dos seres que os utilizam um aprofundamento em suas intuições.” (Horácio Netho) 

“A consciência humana hoje não é igual à do século XIX, e o processo evolutivo do planeta mudou. Esse avanço determina o aparecimento de novos símbolos, vitalizados nos níveis internos e capazes de expressar o despertamento atingido. A Hierarquia transmite a energia desses novos símbolos aos seres humanos encarnados aptos a recebê-la, e dessa forma etapas futuras são preparadas. 

Quando sob o impulso da Hierarquia, um símbolo universal é trazido ao conhecimento da humanidade, ele irradia a vibração dos padrões de conduta que nela devem incorporar-se. 

Atualmente, o contato lúcido com os símbolos tende a aprofundar-se. No ensinamento esotérico, os símbolos têm importância capital. Suas indicações podem ser compreendidas de maneiras diferentes, a depender do grau evolutivo de quem os contata e do nível de consciência em que são enfocados. Por isso é enganoso fixar os seus significados. Mesmo os chamados símbolos universais tomam conotações específicas em cada circunstância em que se apresentam. Para desvendá-los, análises mais confundem que esclarecem. 

O que revela o conteúdo de um símbolo é a percepção intuitiva, o conhecimento direto não racional, ao qual se chega pelo silêncio. Um símbolo é um concentrado de energia. Os símbolos sintetizam verdades intemporais, estão além das leis e dos limites da matéria e guardam indicações sobre a essência da vida. Segundo a Sabedoria Antiga, apresentam-se sob múltiplas chaves e, entre essas chaves, as mais conhecidas relacionam-se à abordagem antropológica, à astrológica, à astronômica, à física ou fisiológica, à geométrica, à metafísica, à mística, à numérica e à psicológica.” (Extraído do livro: (Extraído do livro:“Glossário Esotérico”, autor: Trigueirinho, págs 435 e 436, Ed. Pensamento, 1994 )




THORESH




“O Thoresh representa um símbolo da nova geração com um padrão de energia muitoacima da média, com carga de energia do espaço, diretamente do comando Temporal e do Comando da frota de Thorank. Este é um Portal Setorial de Thorank em Alcyone,estrela principal da constelação das Plêiades, que fica a cerca de 35 anos luz da Terra, essa constelação está localizada bem próximo a constelação de Touro, onde temos aestrela Aldebaran. Thorank é um dos principais Comandantes em chefe da delegação dasPlêiades, pertencente a Confederação Intergaláctica. Esse símbolo permite acesso àsnaves do grupo pleiadiano e tem relação com as pesquisas desse povos para o resgatede alma dos exilados na Terra. O uso deste símbolo em meditação ou em pessoas traz a egrégore dos 10 selos sagrados do povo pleiadiano e de todas as sub-raças ligadas aesse povo.”


ARYEL



“Este símbolo é um merkabah de projeção multidimensional, ele é um tenso modelador do campo psiônico dos filhos de Sírius, ligados a energia central da estrela Mãe dessaconstelação denominada de Cão Maior. Esses filhos de Sírius que estão em missão naTerra, carregam os códigos da ORDEM de MELCHIZEDECK, para ajudar no salto quântico da Terra. Este merkabah e símbolo atua dentro do campo bio-psiônico das criançasÍndigo, Violeta, Cristal e Super psíquicas que estão conectadas a energia Melchizedeck.”


MICAHEL



“Este outro símbolo é um merkabah de conexão com as naves e merkabahs daConfederação Intergaláctica que são provenientes do quadrante central de Alfa & Ômega. A nave que esse símbolo representa está em uma órbita a cerca de 730unidades astronômicas da Terra em direção a estrela de Vegah, que dista cerca de 26anos luz da Terra. Essa nave que existe somente a partir da 15D possui as dimensões planetárias similares a nave de Shtareer, que denomina-se Estrela da Vida que é umpouco maior. A função dela no momento é servir de base operacional para diversosmerkabahs da Confederação que estão atuando na Terra, e ao mesmo tempo serve detemplo multidimensional para muitos comandantes e mestres da Fraternidade Branca.”


STARYOM




“Símbolo canalizado por Suzana de Recife, na qual ela captou a energia do ComandoEstelar das equipes médicas ligadas ao Comandante Yashamil e Oberon, que atuam comdiversos grupos espirituais. A linha de Ramathis está ligado a esse símbolo, assim comodos médicos que pertencem ao grupo de Bezerra de Menezes também estão ligados e fazem parte desse grupo. Normalmente as pessoas que no passado tiveram relação comesses comandantes ou trabalharam dentro dessa linha vibracional, acabam por captarseus respectivos símbolos, ou então, eles vem em momentos específicos de trabalhosou aulas no éter.”

OM PHANTHER




“Símbolo da linha shamânica que possui a ligação com o arquétipo de animal de poder dos felinos. Todas as linhas felinas estão conectadas a este símbolo. Este símbolo podeser usado para conectar a energia dos Tigres e Panteras, mas os outros felinos tambémpodem ser sintonizados, quando a pessoa possui tal arquétipo dentro dele. Este símbolodeve ser usado para entrar na egrégore da mãe Terra e natureza e, dessa forma, acessaros códigos monádicos que cada alma carrega consigo em relação a energia sagrada daMãe Terra. Ele permite conexão com o sol central interno da Terra em Agartha e Shambalah, além da Mônada dos Felinos, que pode ajudar na harmonização daspessoas.”


OM UNITORCO



“Este por sua vez, também é da linha shamânica e está ligado ao arquétipo dosUnicórnios e ao poder que eles encerram dentro de sua energia celestial e terrena. Porser um animal da mitologia, se acredita que ele existiu na antiga Atlântida, mas nãoexistem registros claros sobre isso, no entanto dentro da linha shamânica, ele é considerado um animal importante. Com este símbolo podemos acessar esse arquétipoe dar início a um processo de conexão com a Mãe Natureza. Para tratamentos dememória ancestral este símbolo pode ajudar muito, por ele representar um enviado dosanjos das antigas civilizações estelares presentes na Terra.”


OM SAINT GERMAIN \ PORTIA




“Atua como um emblema de sintonização e com ele essa pessoa tem acesso a diversostemplos e universidades sutis de aprendizado e de despertar. Os Curadores Quânticos da nossa linha, normalmente têm aulas nesses centros de informação e com issoampliam seu potencial de canalização.”


OM STAR LIFE



“Símbolo para tratamentos de câncer avançado, onde as chances da pessoa são reduzidas. Ele está conectado a lei da Misericórdia Divina e permite oferecer a pessoauma sobre vida, caso o conselho autorize. Também possui a função de ser umanestésico profundo na parte física da pessoa e pode atuar entre 3D a 12D, em todas as frequências dessa gama vibracional e dimensional. O campo de ação dele também está relacionado a apometria e permite atuar em planos sutis com as equipes cirúrgicas docomando estelar dentro das naves.”

OM LLAMAN




“Usado para distúrbios mentais e quadro complexo de ordem mental. Ele atua em ambosos hemisférios do cérebro, permitindo assim tratamentos de ordem arterial e doençascrônicas. Pode ser usado em problemas da cervical, disfunções da 3ª visão, meridianosB1, VB1, também pode ser conjugado com a linha de fototerápicos, alopatia e florais. Oproblema de disfunção apolar do cérebro pode ser tratado com aplicações regularesdeste símbolo em massagens capilares sobre ambos os hemisférios cerebrais.”


DAI KO HAN




Este símbolo e arquétipo cósmico, Dai Ko Han, representa um foco multidimensional de trabalhos dentro da apometria cósmica ou Quântica, que tem ajudado a identificar planos de consciência e arquétipos de elementais em outros planos paralelos à realidade terrestre de muitas pessoas. Situações em que as pessoas estão trocando planos de consciência e lembranças com vidas em outras civilizações existindo uma cobrança cármica dentro disso, esse arquétipo é na verdade um merkabah que atua entre a 5D a 8D, permitindo efetuar a limpeza, leitura e identificação do foco, direcionando para o Conselho Cármico dos Anciões de Dias tal questão. Esse merkabah permite desenvolver tarefas bem interessantes, além de projeções extradimensionais muito profundas para quem é projetor e saiba usá-lo como nave e merkabah de transporte multidimensional.”


COLETÂNEA de SÍMBOLOS




“Os Símbolos Sagrados só possuem força e poder, quando ativados pela nossa ‘forma-pensamento’, que deve estar canalizada pelas energias de amor e intuição sustentada pela nossa Hierarquia Espiritual de suporte dentro do Conselho Cármico, que é adquirida mediante a iniciação e batismo direto com essas Hierarquias. 
A ativação desses símbolos está ligada a um propósito puro de coração. Cada um desses símbolos é na verdade um arquétipo sideral milenar. 
Esses símbolos são, para a compreensão terrestre, arquétipos vivos de micro merkabahs de energia baseados em elementais siderais e geometria sagrada ligados a um computador central da Confederação, centralizado no núcleo da nossa galáxia. 
Cada um desses símbolos está atrelado a um determinado Raio e frequência e, consequentemente, eles atuam em diferentes campos magnéticos do nosso aspecto quântico e molecular. Isso permite uma canalização de energias bem mais dinâmicas e exatas. 
Os símbolos estão divididos em categorias de aplicação, assim temos os de transmutação, de geobiologia, de proteção, de regeneração, de desobsessão, de portais e conexão com as altas esferas crísticas, entre os principais.”

(Extraído da Apostila: “CURA QUÂNTICA II”, Autor: Rodrigo Romo)
Fonte: http://confederacaointergalactica.blogspot.com.br