terça-feira, 18 de abril de 2017

EQUILÍBRIO E HARMONIA - SEM CULPAS - A verdade coexiste com a paz e a mentira com a perturbação

SER LIVRE É NÃO CARREGAR CULPAS E MAGOAS 





 
Shin Chet Hei
SEM CULPA


Entendo e assumo a
responsabilidade pela dor e
pelo sofrimento que posso ter
causado, e ao voltar no tempo,
para aquele momento, vejo
como poderia ter agido de
forma diferente.
 
Assumo o compromisso de ser
uma versão melhor de mim
mesmo, e ao olhar para a
escuridão que criei, envio Luz,
alegria e amor, pedindo ao
Criador para erradicar essa
escuridão do Universo
 
Sinto a Luz me banhar e me purificar

A verdade coexiste com a paz e a mentira com a perturbação


menina.flor
Um sentimento extremamente presente na vida de quase todas as pessoas é a CULPA
A razão anda junto com a verdade, onde a verdade está presente não pode existir mentira e na ausência de mentira não pode haver conflitos. A verdade coexiste com a paz e a mentira com a perturbação, portanto a escolha entre essas duas manifestações da realidade cabe única e exclusivamente a você.
Independentemente do que você pensa que acredita, dentro de você mora a razão e ela sempre te indicará o caminho da verdade. Isso ocorre com você desde sempre e só não foi percebido pela sua própria decisão de querer continuar se enganando com intuito de manter o seu sistema de crenças vigente. 
Todos sabem o que é certo e errado e todos já cometeram equívocos que podem ter prejudicado outras pessoas, e todos esses equívocos estão dentro de você gerando culpas e conseqüente sensação de inadequação e não merecimento daquilo que é bom. Enquanto você não olhar para isso e não se resolver, continuará carregando essas culpas dentro de si e todos os desdobramentos que provem delas.
É necessário que se faça um profundo trabalho interno para reconhecer as culpas que estão dentro de você. E, ao identificá-las, é necessário fazer aquilo que está disponível no sentido de resolver alguma situação em aberto com as pessoas que passaram pela sua vida e que guardam mágoas em relação a você.
Pedir desculpas não é sinal de fraqueza, pelo contrário, desculpar-se significa que você amadureceu e tornou-se uma pessoa forte, pois você entendeu que a força só pode vir da ausência total de ataques e que, quem tem necessidade de atacar e se defender, obrigatoriamente acredita em inimigos; e ninguém que tenha inimigos pode ser verdadeiramente forte. 
A verdadeira força vem da humildade e do acolhimento, e nunca da agressão e da soberba. Ninguém que necessite de poder pode ser forte, pois a necessidade de poder serve apenas para mascarar a fraqueza inerente àqueles que buscam desesperadamente por ele.
Portanto, peça desculpas para aquele que você feriu. Isso é tudo o que você pode fazer e a única forma de libertar-se da culpa. Não há mais nada para ser feito. 
Pedir desculpas é o suficiente e nem sempre o outro estará preparado para te perdoar, e isso deverá ser respeitado. Contudo, a decisão do outro cabe somente a ele, e não sendo essa pessoa capaz de praticar esse perdão, você deve respeitá-la e tranquilizar a sua consciência pelo fato de ter feito aquilo que precisava ser feito. 
Você fez a sua parte e isso basta. Isso é tudo. Todo erro pode ser corrigido e toda correção depende apenas da intenção sincera de realizá-la.
Faça o que deve ser feito e não se preocupe com o resultado da sua ação, pois ele não depende somente de você e ninguém poderá te cobrar por algo que esteja às suas margens.
Diogo Beltrame
Resultado de imagem para EQUILÍBRIO E HARMONIA - SER LIVRE É NÃO CARREGAR CULPAS E MAGOAS - SEM CULPAS
Enfim! O lado positivo do sentimento de culpa é que, se nós somos HUMILDES, podemos aprender a pedir desculpas com total transparência e dignidade.
O Diogo fala sobre isso com maestria nesse texto dele. Infelizmente existem pessoas que por conta do ORGULHO, muitas vezes perdem amizades ou relacionamentos amorosos que poderiam durar a vida inteira, perdem empregos por causa de atitudes impulsivas e impensadas etc. É sinal de amadurecimento emocional e mesmo espiritual pedir desculpas com sinceridade.
Se você que me lê agora ainda tem dificuldades de pedir desculpas, convido você a mergulhar mais no autoconhecimento, porque certamente você está tentando sustentar uma máscara que no longo prazo pode lhe prejudicar imensamente.
A frase que intitulou esse texto foi uma das que mais me impactou: 
“A verdade coexiste com a paz e a mentira com a perturbação”
A gente sente que está evoluindo de verdade como ser humano quando consegue estar em paz mesmo diante das dificuldades e tribulações da vida.
É possível superar as dificuldades em paz e tranquilidade, mas para isso você precisa se conhecer. Saber que agressividade, impulsividade, raiva, indiferença, medo, pânico e por aí vai, não são sentimentos e comportamentos de quem está vivendo a verdade pessoal entende?
Se nas suas experiências cotidianas esses sentimentos citados são corriqueiros, seria muito interessante você humildemente aceitar que alguma coisa está caminhando longe da verdade e a partir desta aceitação dar pequenos passos diferentes.
É dessa forma que acontece a mudança, sabia? Quase sempre ela vem junto com uma dor que se torna insuportável! Já nos dizia o pai da Psicanálise não é mesmo?
“Quando a dor de não estar vivendo for maior que o medo da mudança, a pessoa muda.”
Sigmund Freud
Termino esse texto com essa reflexão! Você quer ter uma vida plena, feliz e realizada? Então trabalhe internamente esses sentimentos e comportamentos que são egóicos, como a CULPA e o ORGULHO, que foram os focos desse texto.
Certamente ainda abordarei outros sentimentos egóicos em textos futuros, mas por enquanto vale a pena pensar com carinhos nestes!
Paz e luz!
Por Isaias Costa