quarta-feira, 7 de outubro de 2015

SAÚDE E EQUILÍBRIO - Você sabia que as verrugas são causadas pelo vírus HPV?


9 explicações sobre verrugas: tire suas dúvidas




Tire suas dúvidas sobre o aparecimento de verrugas


Você sabia que as verrugas são causadas pelo vírus HPV, o mesmo que causa inúmeros problemas à saúda da mulher e é indicado como um dos causadores do câncer de colo de útero? Eu não sabia disto e achava que elas eram protuberâncias que surgiam “ao acaso” assim como os sinais de pele (também conhecidos como “pintas”).
Apesar de serem benignas, na maioria das vezes, as verrugassão feias, e causam repulsa em muita gente, podendo levar a problemas de auto estima.
Elas também podem ser confundidas com alguns ferimentos causados pelo câncer de pele, dificultando o diagnóstico, pois a pessoa não percebe que desenvolveu um câncer, achando que tem apenas verrugas.
Por esses motivos, muitas pessoas preferem retirar as verrugas, através de um procedimento simples. Confira após o jump mitos e verdades sobre o problema e aproveite para tirar suas dúvidas.
1. O que provoca verrrugas?
O vírus HPV ataca a pele e causa uma lesão, considerada benigna.
2. Verrugas são contagiosas?
Por serem causadas por vírus, elas podem se espalhar por uma determinada região do corpo. Por isso, aconselha-se não “cutucá-las”, pois isso disseminaria ainda mais o problema.
3. Qual a diferença entre verruga e pinta (ou sinal de pele)?
Verrugas são mais ásperas e mais claras. Pintas podem ser da cor da pele ou mais escuras e terem aspecto mais próximo da pele ou mais “saltadinhas”, e geralmente surgem no pescoço, axilas, virilha e face. São resultado de aglomeração de células que produzem melanina.
4. É necessário remover as verrugas do corpo?
“Não é obrigatório remover verrugas no corpo, só tem de ter cuidado por ser um vírus. Não se pode traumatizar a pele, para não correr o risco de elas se proliferarem. Mas caso sejam na área genital, precisam de tratamento e remoção”, diz a dermatologista Karla Assed, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia.
5. Algum tipo não pode ser removido?
Todas podem ser removidas. Médicos dizem que é imprescindível uma avaliação por um dermatologista para determinar o tratamento adequado. Há casos de câncer de pele que podem ser confundidos com verrugas.
6. Quais os riscos de uma remoção inadequada de uma verruga?
Um tratamento inadequado pode destruir a lesão, mas não resolverá e elas podem voltar em tamanho maior, mais profundas, mais amplas e com mais riscos.
7. A verruga pode evoluir para algum outro tipo de doença? Quais?
Sim. A doença mais importante provocada pelo papilomavírus humano (HPV) são as infecções genitais (verrugas), tanto no ânus como na região genital. As lesões no pênis e no ânus são mais facilmente reconhecíveis; nas mulheres, porém, elas podem ser internas, só detectáveis por exame ginecológico. A infecção viral está associada ao aparecimento de câncer no colo do útero.
8. Como saber se é verruga ou algum outro tipo de sinal, como câncer de pele? Quais as diferenças?
Verrugas que sangram facilmente podem ser, na verdade, carcinomas, o tipo de câncer de pele mais comum, que representa cerca de 94% dos casos de câncer de pele.
9. Há problema em cutucar a verruga ou tentar arrancá-la?
Sim. “Como são causadas por vírus, há o risco de proliferação”, afirma a dermatologista Karla Assed.
Fonte: Terra