sexta-feira, 13 de março de 2015

EQUILÍBRIO E HARMONIA - 7 CRENÇAS NEGATIVAS SOBRE DINHEIRO QUE TE IMPEDEM DE FICAR RICO

7 CRENÇAS NEGATIVAS SOBRE DINHEIRO QUE TE IMPEDEM DE FICAR RICO

Quer ganhar mais dinheiro? Então preste atenção neste artigo e acabe de vez com o principal responsável por sua falta de sucesso financeiro… seus pensamentos negativos sobre dinheiro.
Já notou como grande parte da população mundial nutre uma série de crenças negativas sobre dinheiro? Já notou como as pessoas que têm essas crenças negativas costumam sofrer com problemas financeiros? Isso não acontece por acaso.
A maneira como agimos está intimamente ligada ao modo como pensamos.  Pensamentos levam a ações, e estas conduzem aos resultados.
Se você mantém crenças negativas sobre dinheiro, é natural que suas ações o conduzam a não acumular dinheiro e o resultado disto é que você não enriquece, permanecendo pobre.
Para alterar este quadro, veja abaixo 7 exemplos de crenças negativas que te impedem de ficar rico e como mudá-las.
1

#1 Pessoas ricas são desonestas

A cada bela impressão que causamos, conquistamos um inimigo. Para ser popular é indispensável ser medíocre.” (Oscar Wilde, escritor americano)
Vivemos em um país onde a corrupção, infelizmente, é algo usual. Por conta disto, os ricos muitas vezes são olhados com desconfiança e vistos como pessoas desonestas.
A grande verdade, no entanto, é que a maior parte da classe rica é formada por boas pessoas, que enriqueceram devido ao sucesso nos seus ramos de atuação e no trato com o dinheiro. Para cada caso de enriquecimento ilícito, existem 10 casos de sucesso de pessoas honestas.
A crença de que pessoas ricas são desonestas só serve para atrasar sua vida, fazendo seu subconsciente livrar-se do dinheiro sempre que o mesmo for parar em suas mãos.
Para alterar essa crença, pesquise casos de sucesso de pessoas honestas e livre-se de pensamentos que associam riqueza à corrupção.
Substitua o pensamento “Pessoas ricas são desonestas” por “Pessoas ricas são honestas”.

2

#2 Dinheiro não é importante

O dinheiro não dá felicidade. Mas paga tudo o que ela gasta.” (Millôr Fernandes, jornalista brasileiro)
Muitos justificam o pensamento de que dinheiro não é importante falando que existem coisas como saúde, amor, felicidade e tempo livre, que têm importância maior. Até essa parte eu concordo plenamente.
Entretanto, por que excluir o dinheiro da lista do que é importante?
Fazendo bom uso do mesmo você pode cuidar melhor da saúde, potencializar sua felicidade e passar mais tempo livre com as pessoas que ama ou fazendo as atividades que lhe proporcionam prazer.
Apenas o fato de ter dinheiro já te livra do problema de ter que ganhá-lo, o que pode significar trabalhar com algo pouco (muitas vezes nada) prazeroso.
Substitua a crença de que “Dinheiro não é importante” por “Dinheiro é importante”.

#3 Os ricos ganham dinheiro tomando dos pobres

Aqueles que não fazem nada estão sempre dispostos a criticar os que fazem algo.” (Oscar Wilde, escritor americano)
A crença de que o rico explora o pobre tem origem em tempos muito antigos, com vários exemplos durante a história da humanidade.
Nos tempos feudais, os senhores cobravam uma série de taxas do povo que utilizava suas terras, exigindo bens materiais, parte do que era produzido e outras coisas mais (pesquise sobre o direito da prima nocte).
Outros exemplos, além do período feudal, são o uso de mão de obra escrava nas colônias do novo mundo e as jornadas de trabalho abusivas na Revolução Industrial. Durante esses períodos podíamos realmente afirmar: O rico explora o pobre.
Voltando para os dias atuais, temos um quadro totalmente diferente. Hoje quem ganha dinheiro com impostos é o governo (batendo recorde ano após ano), não há mais mão de obra escrava (tirando exceções lamentáveis em algumas partes do mundo) e os trabalhadores tem seus direitos garantidos pela justiça, que estatisticamente decidi em favor do empregado na grande maioria das vezes.
Hoje os ricos não tiram dinheiro dos pobres, pelo contrário, eles injetam dinheiro na economia criando empregos e demanda por serviços. E esse dinheiro permanece rodando e segue criando valor por onde passa. Veja o exemplo abaixo:
Eu vou à rua e gasto R$ 100 reais comprando flores para minha noiva (e ela ainda afirma que eu não sou romântico), o florista usa os R$ 100 reais ganhos para ir ao mercado do bairro e fazer compras para sua família. O dono do mercado usa os R$ 100 pagos pelo florista para pagar o fornecedor de carne, o fornecedor de carne usa os mesmo R$ 100 para pagar um de seus funcionários, e por fim o funcionário paga R$ 100 por um seminário sobre investimentos e planejamento financeiro feito por mim.
Repare como o dinheiro voltou para minha mão e criou valor para todos os envolvidos.
Pesquise nomes como Jorge Paulo Lemann, Jorge Gerdau e Sílvio Santos, você realmente acha que eles ficarão ricos tomando dinheiro dos pobres? Eu tenho certeza que não.
Analise quantos empregos foram produzidos por suas iniciativas e a grande quantidade de impostos que pagam ao governo anualmente. Empresários como estes ajudam o país a crescer e você deve se espelhar nos exemplos deles.
Substitua a crença de que “Os ricos ganham dinheiro tomando dos pobres” por “Os ricos ganham dinheiro criando empregos e oportunidades”.
3

#4 Investir é para os ricos

Por mais longa que seja a caminhada, o mais importante é dar o primeiro passo” Vinícius de Moraes (compositor brasileiro)
Um dos princípios da riqueza é a criação de renda passiva, ou seja, conseguir ganhar dinheiro sem estar trabalhando por ele. Assim é possível aproveitar as duas moedas que os ricos têm de sobra, tempo e dinheiro.
Pouco adianta ter muito dinheiro se não temos a liberdade e o tempo necessários para aproveitar a vida. Da mesma maneira, mesmo tendo todo o tempo do mundo é difícil viver sem ter dinheiro.
Para mudar essa crença, que é uma das mais destrutivas para sua vida financeira, comece a estudar e investir o quanto antes. Caso você tenha dívidas, livre-se das mesmas e, após isto, escolha a aplicação mais adequada ao seu perfil e objetivos para começar a investir.
Os juros compostos são uma força poderosa, procure utilizá-los no seu plano de enriquecimento. Com juros compostos você só precisa de dois fatores para enriquecer: tempo e dinheiro. Quanto mais tiver de um, menos precisa do outro.
Se o capital disponível para investimentos é pequeno, não desanime. Lembre-se que todas as grandes fortunas tiveram um começo modesto.
Substitua a crença de que “Investir é para os ricos” por “Investir é para todos, principalmente eu”.

#5 Para ganhar dinheiro é preciso trabalhar duro a vida toda

O único lugar onde sucesso vem antes do trabalho é no dicionário” Albert Einstein (físico alemão)
A crença acima não é falsa, no entanto, também não é totalmente verdadeira. Trabalhar duro é o caminho para o sucesso em qualquer área, porém, não é necessário que você se dedique o tempo inteiro e deixe de aproveitar a vida. Existem diversas formas de ganhar dinheiro onde você terá trabalho, principalmente no início, mas depois poderá relaxar e colher os benefícios.
Investir, conforme citei no tópico acima, é uma excelente maneira de colocar o dinheiro para trabalhar por você.
Outro exemplo de como ganhar dinheiro trabalhando duro no início para depois colher os frutos é abrir um negócio pela internet. Você adquiri presença global, alcança uma série de clientes com os quais nunca teria contato, trabalha quando e onde quiser e pode ganhar dinheiro mesmo enquanto dorme.
Esses são apenas dois exemplos de atividades que eu mesmo faço, mas existem dezenas de outras maneiras de ganhar dinheiro trabalhando duro por algum tempo para depois usufruir dos benefícios (ex: Marketing de Rede, escrever um livro, produzir um curso etc). Concentre-se nestas áreas!
Substitua a crença “Para ganhar dinheiro é preciso trabalhar duro a via toda” por “Para ganhar dinheiro é preciso trabalhar duro durante algum tempo, para depois aproveitar os benefícios do que foi produzido”.

#6 Se eu ficar rico as pessoas vão se aproximar de mim apenas por interesse

O homem que sofre antes de ser necessário, sofre mais que o necessário” Sêneca (filósofo romano)
Existem pessoas interesseiras? Sim. Algumas pessoas vão se aproximar de você por causa de dinheiro? Talvez sim. Contudo, afirmar que todos vão se aproximar de você, unicamente, por dinheiro é um grande exagero. Além disso, tenho certeza que você será capaz de identificar boa parte dos interesseiros de plantão. Não perca tempo se preocupando com isso.
Usando uma metáfora para exemplificar melhor, afirmar que não é interessante ficar rico por medo de que alguns se aproximem com interesses escusos, seria o mesmo que deixar de tomar um remédio que vai lhe trazer dezenas de benefícios porque o mesmo pode causar gases.
Os prós são muito maiores que os “efeitos colaterais”.
Substitua a crença de que “Se ficar rico vão se aproximar de mim apenas por interesse” por “Ficando rico algumas pessoas poderão se aproximar de mim por interesse, mas sou plenamente capaz de detectá-los”.

#7 Eu não mereço ser rico

Todo mundo é uma estrela, e merece o direito ao brilho” Marylin Monroe (atriz americana)
Algumas pessoas pensam que para ser rico é necessário ter uma ideia revolucionária, ser muito inteligente, bem relacionado ou ter alguma outra qualidade específica bem desenvolvida.
Por não se enxergar nesse “modelo de riqueza”, os indivíduos em questão acabam tendo o pensamento nocivo de que não merecem ser ricos, por não terem as qualidades que julgam necessárias.
Na introdução deste artigo, eu escrevi que pensamentos levam a ações, e estas produzem resultados.
Com base nisso, pensar que você não merece ser rico é o primeiro passo para continuar pobre.
Centenas de pessoa ficam ricas diariamente, a grande maioria delas não tem nada de especial a não ser a firme convicção de que alcançarão o sucesso, porque merecem o sucesso.
Você deve substituir a crença extremamente negativa do “Eu não mereço ser rico” por “Eu mereço MUITO ser rico”.

Conclusão

Quer você pense que pode ou não fazer algo, você está certo” (Henry Ford, industrial americano)
O pensamento tem poder.
Pensando no dinheiro e nas ações necessárias para enriquecer de forma positiva, o resultado financeiro desses pensamentos será positivo.
Para recapitular, seguem abaixo as 7 crenças negativas e suas respectivas substituições por ideias positivos:
1# Pessoas ricas são desonestas por Pessoas ricas são honestas;
2# Dinheiro não é importante por Dinheiro é importante;
3# Os ricos ganham dinheiro tomando dos pobres por Os ricos ganham dinheiro criando empregos e oportunidades;
4# Investir é para os ricos por Investir é para todos, principalmente eu;
5# Para ganhar dinheiro é preciso trabalhar duro a vida toda por Para ganhar dinheiro é preciso trabalhar duro durante algum tempo, para depois aproveitar os benefícios do que foi produzido;
6# Se eu ficar rico as pessoas irão se aproximar de mim apenas por interesse por Ficando rico algumas pessoas poderão se aproximar de mim por interesse, mas sou plenamente capaz de detectá-los;
7# Eu não mereço ser rico por Eu mereço MUITO ser rico.
Lembre-se sempre que pensamentos conduzem a ações, que por sua vez geram resultados. Mude sua maneira de pensar em dinheiro e comece 2014 de forma diferente.
Espero que este artigo tenha sido útil.
Gostou do artigo? Exponha sua opinião deixando um comentário abaixo.
Fique informado. Cadastre seu email e receba novidades, artigos e dicas imperdíveis para alcançar a liberdade financeira (grátis)!
Obrigado.

***
Fonte: Você Mais Rico