quarta-feira, 5 de novembro de 2014

DESPERTANDO O CONHECIMENTO - Reiki, O Que É?

Reiki, O Que É?


Muitas pessoas ainda não conhecem essa poderosa energia de cura que é o Reiki.
Esse texto explica como os conhecimentos dessa energia chegaram para nós, uma breve explicação da terapia Reiki.
Desejamos a todos um ótimo final de noite, com muita paz, amor e esperança no coração!
Beijão pra vocês...


Mikao Usui


No final do século XIX, Mikao Usui, um monge japonês e estudioso das religiões, procurava respostas sobre o método de cura que Jesus e Buda usavam em seu tempo. 





Percorreu parte da China e Índia nesta busca, (algumas versões falam que chegou a ir para os Estados Unidos) mas foi no próprio Japão, em um monastério budista, que achou a resposta em pergaminhos escritos em sânscrito por um monge.


Nestas escrituras, Usui tomou contato com a técnica do Reiki, passando longos anos estudando-a.
Porém, uma coisa era conhecer a técnica, a outra era saber como ativar a energia necessária à aplicação da técnica. Usui decidiu meditar e jejuar como os antigos e subiu o Monte Koriyama no Japão, passando 21 dias em meditação e, para contar o tempo, colheu 21 pedras que descartava no final de cada dia. 

No final do vigésimo primeiro dia, viu luzes que o atingiram no chakra do terceiro olho (parte frontal da testa, entre as sombrancelhas) e visualizou a formação dos símbolos do Reiki através das luzes. Ficou insconsciente e, ao despertar, sentiu-se revigorado apesar dos dias que passou em jejum. Este foi o primeiro sinal que recebeu de que havia conseguido ativar a energia.


Ao descer do Monte Koriyama, feriu um dos dedos do pé e instintivamente colocou a mão sobre o machucado, curando-se. Este foi o segundo sinal.


No pé da montanha, entrou em uma casa que servia refeições aos peregrinos e fez uma refeição normal, mesmo tendo passado 21 dias em jejum à base de água, e não sentiu-se mal. Este foi o terceiro sinal.
Percebendo que a atendente que o serviu, trazia um lenço amarrado pressionando o queixo e a cabeça, Usui indagou o motivo, e ela lhe disse que estava com dor de dente. Usui colocou a mão sobre sua face e a dor cessou. Quarto sinal.


Chegando ao mosteiro soube que seu amigo e mestre do monastério, havia sido atacado por uma crise de artrite, foi visitá-lo e lhe aplicou a imposição das mãos, curando-o da crise. Este foi o quinto sinal de que havia conseguido ativar a energia, e a chamou de Reiki.





Nesta época, no Japão, as pessoas doentes ou debilitadas, viviam juntas em uma determinada região e eram mantidas com a ajuda do resto da população. Usui instalou-se numa destas regiões, e passou a aplicar e ensinar a técnica gratuitamente. Percebeu que algumas pessoas se curavam e mesmo assim voltavam à vida de pedintes que estavam acostumadas, enquanto outras prosseguiam em seu caminho.


Intrigado, perguntou a eles como estavam passando. Recebeu várias respostas, mas no fundo sempre a mesma. Estavam bem melhores, mas começar uma vida nova exigia muito trabalho, muita responsabilidade, pedir dinheiro nas ruas era bem mais simples.


Essa mentalidade entristeceu muito o Dr. Usui, que entendeu, então, que não é suficiente curar só a nível físico, o espírito também precisava ser incluído no processo curativo. Entendeu então porque os monges ressaltavam a cura do espírito. Baseado nessa sua experiência com os mendigos de Kioto, ele delineou três pontos quanto à cura Holística.

1. Cure o espírito em primeiro lugar.

2. Cure o corpo.

3. O verdadeiro miserável é aquele que não conhece a gratidão.

Foi nessa época que o Dr. Usui entendeu as correlações entre as doenças e o processo de aprendizado, o valor da saúde, o propósito da responsabilidade, da gratidão e das leis de troca de energia. Ele decidiu então, para beneficiar as gerações futuras e instruir adequadamente os que fossem iniciados no Reiki, transmitir suas experiências e realizações e aí ele escreveu as Cinco Regras ou Princípios do Reiki:

1. Hoje, não se irrite.

2. Hoje, não se preocupe.

3. Hoje, seja agradecido por todas as bençãos.

4. Hoje, trabalhe honestamente.

5. Hoje, seja gentil com todos os seres vivos.


A partir de então, o Dr. Usui, vestido como um monge, peregrinou pelo Japão levando consigo uma lanterna acesa. Quando questionado sobre o que fazia, respondia que estava a procura de pessoas que buscavam a luz, pessoas tristes, deprimidas e sofredoras que desejavam se curar de suas dores. Ele convidava e ensinava a todos que estivessem dispostos a ouvir.....
 


Ele tornou-se um grande curador e sempre reconheceu que não era ele quem curava, mas sim a energia de Deus que passava através dele.









O QUE É REIKI

É a energia natural, harmônica e essencial a todo ser vivente. É a dádiva da Luz às criaturas vivas. Reiki é a energia vital (KI), direcionada e mantida pela sabedoria universal (REI).



Energia Vital







Energia Vital canalizada pelo Reikiano




O QUE É ENERGIA VITAL





Quando você dorme sua respiração se mantém, seu coração continua batendo e irrigando sangue por todo o corpo. A energia vital anima seu corpo e o mantém, independente de sua consciência. Já pensou a gente ter que ficar dando ordens para a mente, coração, órgãos, etc....Não teríamos tempo para fazer mais nada.


Muitos aqui podem dizer que isso é reflexo condicionado, pois o cérebro não dorme e por isso mantém as funções do corpo. Mas, o cérebro não pode comandar um exército de órgãos mortos (sem energia), pois estes já não responderiam aos comandos cerebrais. Apesar de ser uma parte central e vital de nosso corpo, o cérebro não sobrevive sozinho e é incapaz de manter a vitalidade de um corpo, senão em conjunto com o restante dos órgãos.




Quando o cérebro pára, ocorre a morte cerebral, e a consequente perda das funções dos outros órgãos do corpo, e isso é o decreto oficial de "morrer" para a nossa sociedade.


A medicina moderna só atesta a morte de uma pessoa quando o cérebro deixa de funcionar ou o coração pára de bater. O que mantém o coração batendo ou o cérebro em funcionamento é a energia da vida. Portanto, um órgão sem receber energia, pára de funcionar, assim nosso corpo sem a energia vital KI é um corpo sem calor, sem vida.


Só passamos a perceber essas funções quando adoecemos. Aí percebemos e sentimos na própria pele que algo conosco está errado.
Essa desarmonia vêm em forma de mal-estar ou dor e aí percebemos que precisamos reequilibrar nosso organismo. A dor portanto, é um grito que o organismo dá para pedir socorro.



TODO SER VIVENTE POSSUI UM SEGUNDO CORPO, CHAMADO CORPO VITAL





Corpo Vital



Corpo vital, também chamado de duplo etéreo envolve e atravessa todo corpo físico e seus órgãos, ultrapassando em aproximadamente 2,5 cm de espessura o corpo físico.
O corpo vital é responsável pela absorção da energia vital captada do meio ambiente através dos chakras e milhares de pequenos canais (meridianos) que conduzem a energia através de todo o corpo físico.



Distribuição da energia vital por todo o corpo através dos chakras



Este corpo armazena a energia necessária à saúde do corpo físico, podendo perdê-la em contato com ambientes não saudáveis ou com pessoas energeticamente desequilibradas. A perda constante de energia e a não reposição através da exposição ao sol e a ambientes naturais, como o campo e o mar podem causar várias doenças.



Através da respiração absorvemos oxigênio para o corpo físico e energia (Prana) para o corpo vital e isso nos proporciona boa saúde e bem estar ao abastecer o corpo físico na medida que precisamos.
O termo REI que compõe a palavra Reiki, se refere e esta sabedoria natural, de manutenção da vida que independe da nossa consciência para nos nutrir e revigorar



COMO AGE O REIKI








LOCALIZAÇÃO DOS SETE CHACRAS PRINCIPAIS







O Reiki age através dos chakras e da aura.
Chakras são centros energéticos que estão em movimento circulatório e contínuo formando uma espiral de energia. Por meio deles, o corpo energético ou vital dos seres vivos troca energia com o exterior.
Possuímos centenas de chakras, alguns grandes e outros pequenos como pontos energéticos, e milhares de meridianos por onde corre toda a energia que nos mantém.


São sete os principais chakras e estão ligados à várias partes do corpo, regendo o funcionamento dos órgãos e glândulas através do recebimento e liberação de energia.
Os chakras podem sofrer lesões, como fissuras e obstrução. Podem ficar desalinhados e desequilibrar totalmente uma pessoa, propiciando o aparecimento de doenças físicas ou emocionais. Mas também podem ser restaurados através de meditação, radiestesia, cromoterapia, passe espírita e uma série de outras terapias.


A energia Reiki restaura e alinha o equilíbrio dos chakras, harmonizando-os para que possamos receber a energia da natureza sem nenhum tipo de obstrução, através da luz solar, do ar, da água, da terra, de pessoas e de todo o meio em que vivemos.


A Aura é um campo de energia que circunda o corpo protegendo-o como um envoltório de luz. Este envoltório pode ir de poucos centímetros até 3 ou 4 metros. Pessoas iluminadas possuem auras extensas, ultrapassando 5 metros em todas as direções.




Beleza e Luz da Aura de duas pessoas que se amam



Quando estamos alegres a aura se expande e quando estamos tristes a aura se retrai.
























Além da extensão, a cor da aura também é determinante para se conhecer o estado emocional e de saúde de uma pessoa. Quando estamos doentes, a aura diminui e sua cor adquiri tonalidades escuras, tornando-nos suscetíveis de sofrer ataques por parte de energias desarmônicas, que tendem a a agravar ainda mais o nosso estado.


Aqui a gente vê a importância de sempre entrarmos em contato com boas energias, com pessoas equilibradas, com as coisas boas da vida, com pensamentos e sentimentos bons para com os outros, com a harmonia da natureza, etc...


Hoje em dia já é possível fotografar a aura através da foto Kirlian e isso nos ajuda muito na análise do nosso estado físico e emocional.







A aura, assim como os chakras, podem sofrer rupturas e lesões ou ser penetrada por energias negativas, que também ocasionam doenças e desequilíbrios. Pode apresentar vincos, círculos ou fissuras, indicando vários tipos de doenças já somatizadas ou em desenvolvimento.


Aura doente


























A aura é o reflexo da alma, ela mostra o real estado da pessoa através da cor, da intensidade, da extensão e da textura. Pode ser limpa e fortalecida, mas refletirá sempre a essência do ser, aquilo que somos, e o que não conhecemos de nós mesmos. Em alguns casos, onde há ruptura da aura, é necessário um tratamento mais intensivo, e cuidados especiais até que a parte rompida seja restaurada e fortalecida.


O Reiki restaura, limpa e fortalece a aura, coloca a pessoa em contato com a fonte do qual se originou, e a reintegra com a natureza através de uma harmonização, limpeza e fortalecimento dos campos físico, emocional, mental e espiritual.