sábado, 7 de janeiro de 2017

SAÚDE E EQUILÍBRIO - Exercícios para energizar os chakras

Exercícios para energizar os chakras

Resultado de imagem para Exercícios Físicos para Carregar e Abrir os Chakras
Os exercícios abaixo é para serem feitos frequentemente. Cada exercício é para um chakra diferente. Antes de começar a fazê-los, ache uma posição confortável no chão e fique descalço(a) de preferência, dessa maneira você entra em contato com a terra enquanto ela te passa energia. Escolha uma roupa confortável e de cor clara de preferência. Os exercícios mencionados aqui irá aumentar o fluxo de energia do seu corpo e também irá desbloquear cada ponto de energia (chakras). Esses exercícios são bastante conhecidos na terapia bionergética.
Antes de começar a praticar esses exercícios, tenha certeza que você está relaxado(a) e de preferência com um dia livre, assim você não desviará seus pensamentos para outras coisas que deverá ser feito durante o dia. É muito importante que durante os exercícios você esteja respirando corretamente e sempre.
Obs. As imagens foram retiradas do livro “Mãos de Luz” de Barbara Ann Brennan. Recomendo a leitura para todos, e como livro de cabeceira, para aqueles que são do Raio Verde de Cura, do amado Arcanjo Rafael.
Imagem para facilitar a localização dos chakras no corpo humano feminino e masculino

Exercícios Físicos para Carregar e Abrir os Chakras

Resultado de imagem para Exercícios Físicos para Carregar e Abrir os Chakras

Chakra 1 – Chakra da Raiz
Fique de pé com os pés bem separados um do outro e com os dedos dos pés e os joelhos virados para fora, num ângulo confortável para os seus joelhos. Agora dobre os joelhos o mais que puder. Você deverá ser capaz de abaixar-se de modo que suas nádegas fiquem tão baixas quanto os joelhos. Movimente-se para cima e para baixo várias vezes.
Acrescente agora um movimento de vaivém à pelve. Empurre-a o mais para frente e o mais para trás que puder. Enfatize o movimento para a frente. Oscile para trás e para a frente desse jeito, três vezes, ao abaixar-se. Fique abaixado e oscile para trás e para frente, três vezes, conservando os joelhos dobrados; em seguida, oscile para trás e para a frente, três vezes, enquanto se levanta. O movimento mais importante do exercício é a oscilação quando os joelhos estiverem bem dobrados. Repita toda a série de exercícios pelo menos três vezes.


Chakra 2 – Chakra do Sacro
Fique de pé mantendo os pés separados um do outro pela distância existente entre os ombros e paralelos um ao outro. Balance a pelve para trás e para a frente dobrando ligeiramente os joelhos. Repita várias vezes.
Agora faça de conta que você está dentro de um cilindro que precisa ser polido. Faça-o com os quadris. Ponha as mãos nos quadris e movimente-os circularmente, prestando atenção para polir todos os lados do cilindro.


Chakra 3 – Chakra do Plexo Solar
Saltar. Isso requer um parceiro. Segurem com firmeza as mãos um do outro. Enquanto um escora o companheiro, o outro salta para cima e para baixo. Ao saltar, procure aproximar o mais possível os joelhos do peito. Salte continuamente, sem parar, durante vários minutos. Descanse. Não se incline para a frente para descansar. Troque os papéis, e deixe que o parceiro salte enquanto você o escora.
Chakra 4 – Chakra Cardíaco
 Este é um exercício de postura isométrica. Apóie-se nas mãos e nos joelhos. Nessa posição, os cotovelos não tocam o chão. Os braços são usados como fulcro. Varie o ângulo das pernas e das nádegas até sentir pressão entre as omoplatas (alguns homens cujos ombros têm músculos grandes senti-la-ão mais nos ombros, por isso tome cuidado). Quando sentir pressão entre as omoplatas, faça uma pressão isométrica sobre esse lugar, empurrando o corpo para a frente por algum tempo e, depois, puxando-o para trás. Faça-a a partir dos quadris e das pernas. Esse exercício aciona a face traseira do chakra do coração ou o centro da vontade.
Para a face dianteira do chakra do coração, encontre alguma coisa grande e redonda, como um barril, as costas macias de um sofá ou um tamborete bioenergético, deitado no qual, de costas, você possa inclinar-se para trás. Incline-se para trás sobre ele, com os pés firmados no chão. Relaxe e deixe os músculos do peito estirarem-se.
Chakra 5- Chakra Laríngeo
A cabeça e o pescoço giram. Movimente a cabeça, várias vezes, nas seguintes direções: olhando para a frente, para cima e para baixo, para um lado e para o outro. Para cima à esquerda e, em seguida, para baixo à direita. Inverta. Faça o trajeto todo para cima à direita, e para baixo à esquerda. Gire agora o pescoço e a cabeça por todo o trajeto, várias vezes, em ambas as direções.
O chakra da garganta também responde muito bem ao som. Cante! Faça qualquer tipo de ruído que lhe agrade, se não souber ou não puder cantar.
Chakra 6 – Chakra Frontal
Repita com os olhos os movimentos indicados para o chakra 5.
Chakra 7 – Chakra coronário
Esfregue o cocuruto da cabeça no sentido horário com a mão direita. (sem imagem)
Exercícios de respiração e Postura para Carregar e Abrir os Chakras
Chakra 1 – Chakra da Raiz
Sente-se no chão sobre os calcanhares. Coloque as palmas das mãos nas coxas. Flexione a espinha para frente, na área pélvica, com a inspiração, e para trás com a expiração. Se quiser, use um mantra em cada respiração. Repita diversas vezes.
Chakra 2 – Chakra do Sacro
Sente-se no chão com as pernas cruzadas. Agarre os tornozelos com as mãos e inspire profundamente. Flexione a espinha para frente e erga o peito; gire o topo da pelve para trás. Ao expirar, flexione a espinha para trás e a pelve para frente, perto dos “ossos de sentar”. Repita várias vezes, utilizando um mantra, se quiser.
Chakra 2 (alternativa)
Outra postura. Deitado de costas, erga-se escorado nos cotovelos. Levante ambas as pernas cerca de 30 cm acima do chão. Abra as pernas e inspire; ao expirar, cruze as pernas nos joelhos, mantendo-as direitas. Repita diversas vezes. Erga ligeiramente as pernas e repita. Faça-o até que as pernas estejam uns 75cm acima do chão, depois abaixe-as pelo mesmo processo. Descanse. Repita várias vezes.
Chakra 3 – Chakra do Plexo Solar
Sente-se com as pernas cruzadas; agarre os ombros com os dedos na frente e os polegares atrás. Inspire e vire-se para a esquerda; expire e vire-se para a direita. A respiração é longa e profunda. Certifique-se de que a espinha está direita. Repita várias vezes e inverta a direção. Repita outra vez. Descanse um minuto. Repita o exercício inteiro sentado sobre os joelhos.
Chakra 3 (alternativa)
Outra postura. Deite-se de costas com as pernas unidas e erga os calcanhares 15cm. Erga a cabeça e os ombros também 15cm; olhe para os dedos dos pés; aponte para os dedos dos pés com os dedos das mãos; os braços estio esticados. Nessa posição, respire com esforço pelo nariz contando até 30. Relaxe; descanse contando até 30. Repita várias vezes.
Chakra 4 – Chakra Cardíaco
Sentado, com as costas aprumadas, entrelace os dedos num aperto de urso no centro do coração, ao passo que os cotovelos apontam para os lados. Os cotovelos se movem num movimento de serra. Respire longa e profundamente com o movimento. Continue várias vezes; inspire, expire e faça pressão sobre o aperto. Relaxe um minuto.
Repita o exercício sentado sobre os calcanhares. Isso eleva ainda mais a energia. não se esqueça de empurrar a pelve para a frente.



Chakra 5- Chakra Laríngeo
Sente-se com as pernas cruzadas, agarre os joelhos com firmeza. Mantenha os cotovelos retos. Comece a flexionar a parte superior da espinha. Inspire para frente. Expire para trás. Repita diversas vezes. Descanse.

Agora flexione a espinha encolhendo. os ombros para cima enquanto inspira e encolha-os para baixo enquanto expira. Repita várias vezes. Inspire e retenha a respiração 15 segundos com os ombros encolhidos para cima. Relaxe.

Repita os mesmos exercícios sentado sobre os calcanhares.
Chakra 6 – Chakra Frontal
Sentado com as pernas cruzadas, entrelace os dedos num aperto de urso ao nível da garganta. Inspire; retenha a respiração; depois comprima o abdome e os esfíncteres e empurre a energia para cima, como se estivesse empurrando pasta de dentes para fora do tubo. Expire a energia para fora pelo cocuruto da cabeça, ao mesmo tempo em que ergue os braços acima da cabeça, conservando o mesmo aperto de urso. Repita. Repita todo o processo sentado sobre os calcanhares.
Chakra 7 – Chakra coronário
Sente-se com as pernas cruzadas e os braços esticados acima da cabeça. Entrelace os dedos com exceção dos dois indicadores, que apontam para cima. Inspire puxando a ponta do umbigo para dentro e dizendo “sat”. Expire, dizendo “nam” ao mesmo tempo que relaxa a ponta do umbigo – Repita fazendo rápidas respirações por diversos minutos. Depois inspire e esprema a energia da base da espinha até o cocuruto da cabeça, espremendo e segurando os músculos do esfíncter e, depois, os músculos do estômago. Retenha a respiração. Em seguida deixe-a sair, mantendo todas as contrações musculares. Relaxe-se. Descanse. Se você não se der bem com um “sat nam”, use um mantra diferente. Repita, sentado sobre os calcanhares: Descanse. Repita sem usar o mantra. Em vez disso, respire rapidamente pelo nariz.
Outra postura. Com a postura mencionada acima, respire pelo nariz, com uma respiração rascante¹ (veja no final da mensagem como fazer essa respiração) contra a parte superior da garganta durante um minuto, aproximadamente. Inspire, retenha a respiração e bombeie o abdome para dentro e para fora 16 vezes. Expire; relaxe-se. Repita duas ou três vezes. Descanse.

Como fazer a Respiração Rascante¹: Respire profundamente pelo nariz. Primeiro, encha de ar o abdome inferior, depois o tórax médio e, finalmente, o tórax superior. Agora, abra a boca o mais que puder. Deixe o dorso da língua voltado para a parte traseira da garganta e conserve-a de tal jeito que só permita a passagem do ar se este arranhar a parte traseira superior da garganta, perto do céu da boca. Tente fazê-lo arranhar o mais atrás que puder. O som da raspagem deve ser fino, não gorgolejante. Não atire a cabeça para trás. Mantenha-a diretamente no topo da espinha. Deixe escapar lentamente o ar do corpo, primeiro o do abdome inferior, depois o do tórax médio e por fim, o do tórax superior. Deixe sair todo o ar. Respire e relaxe.
Outra forma de Equilibrar os Chakras é por meio dos MANTRAS
Segue o Mantra de cada Chakra
LAM – Equilibra o chacra básico.
VAM – Equilibra o chacra umbilical.
RAM – Equilibra o chacra do Plexo solar.
YAM – Equilibra o chacra cardíaco.
HAM – Equilibra o chacra laríngeo.
OM – Equilibra o chacra frontal.
AUM – Equilibra o chacra coronário.

JULY