quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

EQUILÍBRIO E HARMONIA - O que vibra em mim, vibra no universo!

'EU SOU UM COM UNIVERSO'

mandala_azul
“Que meu coração seja como as ondas do mar
que vão e vem num ritmo harmônico e pacífico,
que preservam a vida em cada consciência,
que tem o poder de purificar qualquer energia,
em conexão com o Eu e a essência do meu Ser,
despertando o exercício da contemplação
e do reencontro comigo mesma,
trazendo a consciência do Todo, da plenitude,
da força e do poder dos oceanos
que regem e guardam a vida no planeta
e em cada célula do meu corpo.
Que meu coração seja como o Reino das Águas,
governado por Iemanjá e Oxum,
belo, harmônico, profundo,
protegido, luminoso e sábio,
onde se escondem tesouros de sabedoria
e um grande amor universal-maternal,
onde reina grande parte da consciência materna,
regente da energia da Geração de todos os seres planetários.
onde se mantém protegida a sabedoria ancestral
dos arquétipos femininos que vieram antes de mim
e que existiram em outras roupagens pelo meu espírito.
Que meu coração seja como os Reinos da Mãe Terra,
acolhendo sempre com amor
todos os que nela aportam seus sentimentos e necessidades;
Que o calor e a consciência solar
me traga o equilíbrio da razão;
Resultado de imagem para O PODER DE DECRETAR - ACENDE A TUA LUZ
Que o brilho e a força da lua
me traga a harmonia das emoções;
Que meu coração seja como o voo dos pássaros,
seguindo o fluxo das correntezas quentes do ar e dos ventos;
Que a natureza e suas consciências luminosas, construtoras,
elementais e dévicas estejam em conssonância
aos códigos de luz co-criados e despertos em mim,
dissolvendo e desconstruindo todas as memórias
que já não servem mais ao meu Bem Supremo.
Que meu coração seja à semelhança
da frequência do amor mais puro que reside no universo,
relembrando que sou pó de estrelas
e que uma parte de toda a energia da Criação reside em mim.
Assim como tudo na natureza foi criado para fluir
em ordem, harmonia e equilíbrio,
relembro que também fui criada para viver plena,
aceitando e abraçando minhas sombras
para reconhecer e acender minha Luz.
Sou farol em meu próprio caminho…
Encontro outros faróis
ao longo de minha jornada de evolução
e me torno, a cada encontro, mais plena!
Todos estamos ligados pela alma e pelo coração!
O que vibra em mim, vibra no universo!”
(Yehuá)