quarta-feira, 22 de junho de 2016

DESPERTANDO O CONHECIMENTO - Cura Intuitiva: Deixando sua alma promover a saúde

A INTUIÇÃO AJUDANDO A CURAR ATRAVÉS DA ALMA


Você já pensou em combinar intuição com tratamentos médicos para promover a cura? Cura intuitiva não é nada de novo, e você pode aprender a se tornar seu próprio curador intuitivo. Intuição é acessível a todos, mesmo os mais céticos.

Mas em primeiro lugar - por que se preocupar com a cura intuitiva? Se você olhar para o corpo como uma manifestação física da energia, faz todo o sentido limpar a sua energia e restaurar a saúde e harmonia com o conceito de mente / corpo / alma, onde um afeta diretamente os outros.

Ouvindo a sua voz intuitiva

A sabedoria interior que não é julgada pela mente racional é a pequena voz silenciosa que é difícil de ouvir, se você não está acostumado a ouvir. Não é uma voz em que as mensagens normalmente vêm na forma de palavras - ela geralmente vêm em sonhos, ou espontaneamente, como palpites ou intuições, fortes impulsos, sensações físicas ou memórias. Estas mensagens podem vir em um flash. É por isso que elas são fáceis de perder, e mais fáceis de descartar.

Se você tiver sido criado com uma firme convicção de que a medicina pode curar tudo o que há de errado com o corpo, você está perdendo a oportunidade de fazer engenharia reversa do problema e tratar a causa. Faça isso e os sintomas geralmente desaparecem por conta própria - ou se eles já são graves, irão melhorar, dando aos medicamentos uma melhor chance de aliviar os sintomas.

Confiando em sua intuição


A alma se comunica através do corpo então o teste muscular é uma ótima maneira de aprender a "ouvir" e confiar em sua intuição. O corpo não mente! É um fato bem conhecido que seus pensamentos e emoções afetam diretamente a saúde do seu corpo. O poder da sua mente se traduz em vibrações energéticas que podem criar força e bem-estar ou fraqueza e mal-estar. Quanto ao teste muscular, você pode tentar um exercício como este: faça a si mesmo uma pergunta de sim / não e observe a resposta do seu corpo, que é completamente fora de seu controle consciente. Esta orientação intuitiva não vai orientar você errado. É o seu Eu Superior falando com você, afinal de contas!

Mesmo se a informação que você recebe parece irracional (como não aceitar um emprego lucrativo por causa de uma forte sensação de que é errado para você), confie nela. Só você - isto é, o seu Eu Superior - sabe o que é absolutamente a coisa certa para você. E não se esqueça - tudo o que você faz que é errado para você, tem conseqüências que podem se manifestar como sofrimento físico.

Todas as suas escolhas têm conseqüências que afetam positiva ou negativamente a sua saúde. Você pode não estar consciente desta ligação, mas ela está lá. Está tudo acontecendo em um nível energético que você pode sentir - se você estiver em sintonia com ele. Portanto, preste mais atenção aos seus sentimentos, impulsos, pressentimentos e sonhos, e você vai ser orientado a tomar melhores decisões.

Desenvolvendo suas habilidades de cura intuitiva

Os passos seguintes irão ajudá-lo a curar a partir de dentro, abordando a causa. Mas antes de começar - é importante acreditar. Sem a crença em suas habilidades de cura intuitiva, você não vai conseguir os resultados que deseja. Crença intensifica e amplia a energia que você está transmitindo, enquanto a dúvida e o medo a diminuem.

1. Conscientize-se de padrões negativos de pensamento, crenças e pontos de vista. A mídia tem o hábito terrível de colocar um ar negativo sobre os acontecimentos mundiais, e essa negatividade pode ser altamente contagiosa.

Você pode até não perceber o quão auto-prejudicial são as suas crenças. Suas crenças literalmente mudam a estrutura do seu DNA - isso é quão poderosa a energia é! Você vai notar, por exemplo, que as pessoas que estão "apaixonadas pela vida" tem uma energia vital que permeia seus corpos - eles podem ter cem anos, mas ainda têm uma qualidade atemporal incrível ... enquanto as pessoas na casa dos trinta que são apáticos, negativos e entediados parecem velhos e desgastados. Você não pode separar o corpo da mente!

2. Conheça melhor o seu corpo e ouça-o. É fácil ignorar o que se passa no interior, porque não há muitas terminações nervosas no interior do corpo, como há do lado de fora. O sistema digestivo faz seu trabalho em silêncio e fora de sua consciência, mas é aqui que muitas doenças começam a se manifestar como sintomas físicos. O que afeta o sistema digestivo? Você adivinhou - a sua mente. É claro que é de vital importância cuidar de seu corpo com alimentos nutritivos, exercícios e sono, mas a toxicidade mental e emocional é ainda mais desastroso a longo prazo! Conheça seu corpo! Você sabe como você se sente quando as coisas estão indo bem e você se sente feliz. Este é o estado natural das coisas. Se você está se sentindo letárgico, tem problemas digestivos, até mesmo uma ligeira sensação de que algo não está certo ... não ignore-o! Observe o estado mental / emocional correspondente e faça correções. Você está estressado? Deprimido? Preocupado? Com raiva, inveja ou ressentimento? Ansioso e com medo? Estes são estados emocionais muito destrutivos! Medite, obtenha orientação de sua supra, seus guias espirituais e anjos, e faça o que intuitivamente gera bem estar.

3. Agora que você está ciente da forte relação de causa e efeito entre a mente e o corpo, você pode tomar medidas para curar o corpo:
  • Medite para aprender a controlar seus pensamentos (substituindo pensamentos negativos, auto-destrutivos com pensamentos positivos de alta vibração, pensamentos e emoções amorosas positivas são a cura) Evite as baixas vibrações de pensamentos e emoções negativas!
  • Aprenda a sair das ondas de emoções negativas (não negue emoções, mas não se apegue a elas - sinta-as como você se sente uma brisa em sua pele e deixe-as ir tão facilmente).
  • Visualize-se em perfeita saúde - ou seja, emocional, mental, espiritual e física! "Veja" o você ideal no olho da sua mente.
  • Faça mais das coisas que intuitivamente o fazem sentir-se bem com você, e menos do que aqueles que não. Qualquer coisa que gera bem estar, cria uma vibração mais elevada e promove a cura. Qualquer coisa mal ou ruim, cria o efeito oposto.
Habituar-se a orientação intuitiva pode levar tempo e prática. Agora que você sabe como a cura intuitiva funciona, você pode melhorar sua saúde e bem-estar de dentro para fora!

Por: Christie Marie Sheldon

Fonte: love or above