sábado, 14 de junho de 2014

DESPERTANDO O CONHECIMENTO - Em busca de si mesmo ( EU SUPERIOR)

Em busca de si mesmo ( EU SUPERIOR)


  O homem em busca de si mesmo...


          Todos nascem com uma missão, somos educados, condicionados a isso, perseguirmos nossos sonhos, nossas realizações pessoais, buscarmos a tão almejada felicidade.          

Desde pequenos somos alimentados por sentimentos de busca, de pequenas satisfações pessoais, crescemos num ambiente extremamente consumista, onde presentes parecem contratos, onde o ter se sobrepõe ao ser, aonde chegar ao topo é prioridade absoluta, somos preparados desde adolescentes para essa batalha interior.          

Estamos sempre à procura, do melhor trabalho, do melhor carro, da melhor casa, da melhor companhia, da melhor condição social, mas essa competitividade que deveria ser benéfica, salutar, acaba nos sufocando, transformando o ser humano em maquinas, em verdadeiros robôs, programados para ganhar dinheiro, doentes em seus sentimentos, fragilizados nas suas boas ações, entregues aos seus medos, de não conseguir, de não alcançar os adjetivos, de ser taxado de perdedor.          

Está cada vez mais difícil priorizar o lado humano, o lado sentimental, não nos sobra tempo para apreciar a natureza exuberante, o sorriso incomparável de uma criança ou ouvir a história de vida de um ancião, tempo para fazermos uma coisa extremamente importante que é valorizarmos pequenas conquistas do dia-a-dia, dar atenção às pessoas que amamos viver a vida em toda plenitude da palavra.          

Quando vivemos no interior, queremos insistentemente mudar para grandes cidades, grandes centros, depois pagamos para passar um final de semana no interior, quando não temos dinheiro e nossa condição financeira é precária, o que nos resta é ter um carro velho, mas depois, quando temos condições e dinheiro sobrando, colecionamos carros antigos.          

Isso vem apenas demonstrar que o modo com que vivemos, os valores que cultuamos dependem apenas do ponto de vista, da paz interior de cada um, o objeto do desejo é o mesmo, o que muda é a forma com que o conseguimos, é a diferença entre fazer por amor, por prazer ou por dinheiro, por necessidade.          
É necessário que façamos essa reflexão, essa busca de si mesmo, essa introspecção, para que tenhamos a consciência de que talvez estejamos buscando o que já nos pertence, valorizando em outro local aquilo que temos ao nosso lado, sonhando com conquistas e objetivos que já atingimos, mas que por estarmos envolvidos demais, estressados demais, não nos damos conta, não prestamos à devida atenção.          

Pensemos nisso, vamos usar o precioso tempo que o bom Deus coloca à nossa disposição, para vivermos da melhor maneira, sabendo valorizar o que realmente merece nossa atenção, fazendo aqueles que estão à nossa volta felizes, conduzindo nossa vida e não sendo atropelados por ela, priorizando o lado humano que é o que realmente importa, pois só assim poderemos encontrar essa paz interior que tanto buscamos e que eu simplesmente chamo de felicidade...
Adilson R. Peppes.

EU SUPERIOR

Encare o sonho como um jogo!

Jogue... Brinque... Sorria com o seu sonho. Você pode sentir como ele é leve.

É como um grande balão de gás que sobrevoa o universo e expande todos os horizontes.

O jogo deve ser jogado com maestria sem que o jogador se deixe abater.

Seja um grande jogador de pôquer da sua vida e todos os caminhos se abrirão!

A vida é um jogo e quando digo isso não estou querendo que você seja um blefador. Não estou querendo que você seja um irresponsável ou perca sua integridade pessoal.

Digo apenas que você jogue como um grande jogador; como aquele que não leva à sério , nem se deixa derrubar e não cria resíduos: como aquele que joga por prazer e alegria de estar jogando, aquele que vive intensamente seu sonho sem se apegar demais ao resultado.

Jogue sem qualquer peso nas costas.

Jogue sonhando alto!

Jogue sem se preocupar se está jogando adequadamente.

Jogue com todo o seu coração, o coração nunca erra!


Seja sempre aquele jogador que joga com amor e por amor.

Seja como aquele jogador que ama seus parceiros e ama infinitamente todo o jogo de sonho.

Jogue sem medo de não ganhar!

Jogue feito criança! Seja espero: seja inocente.

ESCUTE A VOZ DO SEU DIVINO EU SUPERIOR

“Quando viajo com minha alma livre, posso esperar você dormir ou estar desperto... Então, lhe convido para voar...

Somos luz errante, agraciados pelo voo livre e juntos vamos encontrar o paraíso perfeito. Viajamos pelas montanhas mais íngremes e de um voo rasante mergulhamos até o fundo do mar azul.

Fico encantado com você e não paro de observar a sua perfeição e o quanto as nossas criações são magníficas.

Voando sempre juntos, percorrendo os mais belos campos, onde a primavera é mais florida e demonstra toda a vida em abundância.

Viajo com você e lhe mostro os lugares de minha preferência...
Juntos, vamos conquistando o universo e com asas invisíveis tocamos o sol sem jamais nos queimar.

E nessa viagem enxergamos além das aparências, o mundo mostra a sua alma e a consciência se expande de uma maneira em que o impossível pode ser criado agora!
Quero estar sempre com você para alinhar nossas forças e permitir que a eternidade nos toque a todo o momento.

Somos tão grandes juntos!

Sentimos o frescor do vento, o calor aconchegante do sol e ouvimos o canto das sereias no infinito oceano.

Gosto quando você sente o farfalhar das folhas da relva ainda úmida sob seus pés e observa o olhar inocente dos animais selvagens que já se familiarizaram com a nossa chegada.
É nessa viagem de amor sem limites que você fica maravilhado a cada instante e me pede sempre pra voltar...

É uma viagem de vida, de experiência, de sentimentos...
Não carregamos livros, nem ensinamentos ou palavras...
É uma viagem tão infinita que o coração sempre quer vivenciar novamente.
Então, voltamos a experimentar tantas e tantas vezes...


Livro Universo em Você – Um pacto sempre perfeito.
Autora Vivian Weyrich